segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Mais um empate em casa: por aqui, Tite segue prestigiado...

Enfim, chegamos lá: conseguimos empatar com o lanterna em pleno Pacaembu! E, dessa vez, nosso resultado favorito veio com direito a um verdadeiro desfile de bizarras pardalices - um triste espetáculo que culminou com Paulo André deixando a zaga para atuar, por quase um tempo inteiro, como centroavante (!!). 

Já na saída do gramado, porém, o glorioso Sr. Adenor Bacchi, num raro momento de autocrítica, enfim reconheceu que, ontem, perdemos dois pontos. Olha... (não sei nem o que dizer)... embora agradeça muitíssimo pela informação, vejo-me obrigado a discordar de você, Seu Adenor: não, nós não perdemos dois pontos ontem; ontem, o que perdemos foram mais dois pontos - totalizando, ao menos, uma dúzia jogados fora ao longo desse primeiro turno. 
E registre-se que muitos deles, inclusive, foram desperdiçados diante de equipes tecnicamente medíocres e psicologicamente destroçadas -algumas das quais, não à tôa, já têm um pé na segunda divisão do Campeonato Brasileiro: casos de Portuguesa, SPFW e do próprio Náutico, adversário desta última rodada.

Isso, claro, sem contar a inesquecível derrota para os reservas dos reservas do Atlético Mineiro, em pleno Pacaembu.

É... definitivamente, o Adenor se perdeu em 2013. E não adianta nem alegar que, ontem, jogamos severamente desfalcados. Isso é fato, eu sei. Como também é fato, contudo, que Tite tinha à disposição elenco suficiente para, ao menos, compor a defesa apenas com defensores, o meio somente com meio-campistas e o ataque, exclusivamente, com atacantes. E ainda dava para promover as 3 alterações a que tinha direito sem mexer nessa estrutura.

Que foi: quis fazer gracinha para chamar a atenção? Mandar recado para a diretoria?? Se o recado chegou aos gabinetes de Edu, Duílio e Cia eu não sei, mas, ao menos a arquibancada, ALELUIA!, finalmente entendeu a mensagem. 
Demorou demais para a primeira vaia de 2013 - mas antes tarde...

E é assim que entramos no segundo turno: 30 pontos conquistados; 10 atrás do líder Cruzeiro - que, mea culpa, esse blog erroneamente tomou por um catadão de refugos
A partir de agora, para sonharmos com título será preciso nada menos que um aproveitamento superior a 79%. Vou repetir: para somar os 73 pontos necessários a um campeão nacional, precisaremos conquistar "apenas" 43 dos 54 disputados nos próximos meses - um aproveitamento de setenta e nove ponto alguma coisa por cento!

Que me lembre, acho que nunca joguei a toalha em se tratando de Coringão, mas... na boa, bróder?... já era, já. Infelizmente, agora é brigar pelo G4 - a tão sonhada vaga na Neura, grande objetivo dos Coritibas da vida... - e olhe lá!
Esse grupo, sejamos justos, talvez até tenha qualidade para tal - já se superou em diversas oportunidades, inclusive. Porém, no atual momento (e, sobretudo, "com Tite, por Tite e em Tite"), é visível que lhe falta sangue. Haja fé.

E, por favor, não me acuse de cornetagem ou derrotismo: terei imenso prazer em comemorar meu equívoco se, daqui alguns meses, levantarmos a taça.

* * * * *

Mas reconheçamos que nem tudo foi perdido, vai?! Ao menos, fomos brindados com mais essa verdadeira pérola da filosofia poética de Adenor Bacchi...


* * * * *

Quando é que dois mil e doze, finalmente, terá fim?

36 comentários :

  1. Apesar dos pesares eu acho que o pessoal está entregando os pontos muito cedo. Temos um turno inteiro pela frente. Estou vendo carinha dizendo "ah o Botafogo perdeu jogadores e não está sentindo" Não está sentindo agora, mas que e lá na frente quem garante? Quem garante que o Cruzeiro vai manter este nível até o final? O grande nó aqui é o Corinthians jogar um futebol um pouco mais convincente e emendar uma série de vitórias - mesmo jogando mal. Cruzeiro, Grêmio e Botafogo já passaram por isso. Acho que o Corinthians também pode. Verdade que determinados resultados injuriam, nos faz perder a esperança, mas a precisamos considerar que outros clubes irão perder pontos tidos como "bestas". Desceram a lenha porque empatamos com o Manjubinha (depois que eles apanharam do Barcelona). Dias depois, este mesmo Manjubinha ai lá e arranca um empate com o Cruzeiro. Acham o fim da picada o Timão empatar com o Vila Sonia- o mesmo Vila Sonia que impediu o Botafogo de somar três pontos. Então, por que não acreditar?
    (Múcio Rodolfo)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em CNTP, também consideraria cedo demais, Múcio. O que pega é que Tite está há 8 meses insistindo em esmurrar a ponta da faca; sinceramente, perdi as esperanças de que ele finalmente venha reconhecer o erro...

      Excluir
    2. Tudo bem Zé, não é de hoje que o Tite tenta fazer o ataque funcionar e não consegue, mas você não vai falar nada do elenco ridículo de 2013. Com juniores para todo lado, Ibson como titular, a falta que o Paulinho faz, nossos super craques Danilo, Emerson Sheik, Romarinho que podem fazer o que eles quiserem em campo pois não tem sombra alguma no banco. Com esse time de domingo nem Jesus de técnico ganha jogo. Vamos ficar trocando o técnico e achando que os cartolas nada tem a ver com essa merda que fizeram com o Corinthians 2013. A política de vira latas continua fazendo efeito. Cadê os craques que gente acha por aqui mesmo?. O Cruzeiro não arrecada 1/3 do que arrecada o Corinthians e tem Julio Batista no banco. Vocês vão continuar gritando Mano, Mano , Mano depois do 4 a 0 ou tem um novo nome? Essa torcida que anda fodendo o time nos estádios com essas brigas insanas e com esses showzinhos pirotécnicos também merece vaias !!!

      Excluir
    3. Meu caro César... antes de mais nada, "Belinho RJ" é de fuder, hein?! HAHAHAHA!

      Os cartolas têm culpa, claro: são eles que dão carta branca ao Adenor, que faz o que bem entende. Quanto ao elenco, exceto pela inevitável saída de Paulinho, a responsabilidade é, também, do Tite - que, ao lado de Edu, Duílio e Roberto, planejou a temporada. A palavra dele tem um peso enorme na decisão sobre quem fica e quem sai, quem vem ou não. O Ibson, por exemplo, dizem que foi pedido dele.

      Pô, César, estamos há 8 meses tendo paciência com ele, bróder. No meu trampo, não tem tanta colher de chá, não.

      Mantenho minha posição dos últimos tempos: eu não trocaria no meio da temporada, mas também não renovaria. E mais: já faria pré-contrato com algum outro técnico, para, com ele, já ir trabalhando o planejamento 2014.

      Excluir
    4. Obvio que não é o Tite quem compra e quem vende no Corinthians. Não acredito que um técnico pede Ibson, ( nem o técnico do time do hospício). Vamos falar sério Zé, em respeito a amizade que fizemos nesse período e em respeito a identidade que temos com Coringão (http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2013/06/05/gastos-com-pato-e-renato-augusto-fazem-corinthians-puxar-o-freio-nos-reforcos.htm )!!! . Vamos creditar a ele, o que é culpa dele, pelo amor de Deus !!! Essa diretoria está fazendo merda e depreciando a marca mais forte do país. Se Tite não serve mais, quem seria seu substituto ???

      Excluir
    5. Vixe! Se apelou para a amizade é porque a coisa ficou séria, hein?! rs

      Claro que ele não é o único responsável pelas contratações, mas é voz ativa no "conselho", sim. É um trabalho conjunto.

      Eu traria o Mano em dezembro. E ainda tentaria atravessar o caminho do Flamengo também quanto ao Elias.

      Excluir
    6. Zé, desculpe-me pelo calor dos comentários, mas o que eu mais temo vem acontecendo. Quando não se investe na marca, ela vai perdendo a força com o tempo. O Corinthians não precisa ganhar tudo, mas tem que disputar tudo até o fim. Virou o ano como o time a ser batido e veio perdendo elenco, alguns jogadores já era previsível a queda de rendimento (Danilo, Sheik), outros, todos nós já sabíamos que não estavam no nível de um time de ponta (Alessandro e Fabio Santos, Romarinho).Quando se economiza no timee se faz investimentos errados, perdesse bons negócios em patrocínio na virada do ano (é a economia burra). Um time arrecada se sua imagem é forte, e o Corinthians hoje não tem mais a imagem de 2012. Estivemos entre a consolidação em se transformar no maior time das Américas (Isso era o que incomodava comentaristas anti corintianos principalmente os ESPN, que hoje voltaram a rir)ou regredir ao que éramos antes. Infelizmente está prevalecendo a 2ª opção, arrecadamos como um time grande Europeu e temos um elenco mediano brasileiro, "não dá pra entender". Também correria atrás do Elias, mas "seu Adenor" hoje não tem sombra no país (O Mano tomou 4 no lombo).

      Excluir
    7. Outra coisa, se é um trabalho conjunto troca todo mundo !!

      Excluir
  2. Senhores...
    O ze tem razão,porém o Mucio também...
    Acho muito difícil conquistarmos o caneco deste ano , haja vista não só a forma do time jogar mais a fome com que vem jogando ,as constantes lesões que apresentam se no elenco durante a competição e a própria estrutura técnica tática e psicológica da equipe, porém a que se levar em conta a mitologia da camisa a qual estamos dissertando.Todos nós sabemos do que estou falando...jamais interpretar erroneamente assuntos malignos...
    Explico.Essa camisa não esta ai para brincadeira não,eu mesmo desacreditei muitas vezes e esta mesma mostrou-me o quanto tem vida própria.Acho muitíssimo difícil conseguirmos o título mais lembremos que somos campeões mundiais com 16 partidas sem perder e ninguém imaginava isso no final de 2011 mesmo tendo sido campeão brasileiro, sem comentar episódios mais antigos de nossa vida (leia-se história) que atestam veracidade quanto ao que tento por essas palavras descrever (esse que vos escreve testemunhou o Jacenir levantando a Taça de campeão brasileiro,sim foi assombroso).
    Em resumo caríssimos,a vaca foi para o Brejo,mas como a alma e a mente deste que vos escreve já está seriamente danificada(ou abençoada,depende do ponto de vista ou da classificação na tabela)pelo corinthianismo extremo sem abertura para ponderações,ainda dá,ainda dá sim...

    Um abraço.

    O imperador.longa vida a jihad.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Discordo em parte, Imperador. Não acho que a camisa jogue exatamente "sozinha"; além da mística do manto, há outro elemento necessário para que ele tire leite de pedra, que é a força da Fiel Torcida. É dessa combinação - dessa união indissolúvel camisa/torcida - que "Jacenires da vida" tiram forças para tornar possível o impossível.

      E o perfil da Fiel, de uns anos para cá, para o bem e para o mal, mudou bastante...

      Excluir
  3. Em tempo...
    Sim sou psicoticamente corinthiano.

    O imperador.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ze vc tem razão ,acontece que quando falo da camisa no "pacote" já ta incluído a torcida mais entendi o teu ponto de vista e concordo...agora domingo no paca que me deu vontade de mandar uma dessas "happy family" toma no cu deu viu...manja aqueles cara que grita gol até em tiro de meta...é nesse naipe que ta nossa torcida...tudo bem iniciaremos a higienização da torcida em breve mais uma ou duas saculejadas dessas e este tipo de torcedor fica com medo e não leva a família toda...não que não deva porém...."tudo me é lícito mas nem tudo me convém (ta na bíblia não tenho culpa)...

      Abraço.

      O imperador longa vida a jihad.

      Excluir
    2. Se tá na Bíblia não tem discussão, né? HAHAHA!

      Bróder, nada contra as "happy family" (aliás, foi ótimo o termo!), pelo contrário. Mas o preço que estamos pagando por isso é que a torcida tá virando platéia, né?! Parece público de vôlei ou F-1...

      Valeu, Imperador. É nóis!

      Excluir
  4. Eu gostaria de ver o time com sua força máxima ou próximo dela. Pra mim a conversa fica diferente. A moçada está tomando como base os dois últimos jogos e esquecendo que este time quando provocado reage bem. Não me surpreenderei se o time apresentar amanhã contra o Botafogo um futebol muito melhor do que os dos últimos jogos. E repare numa coisa, a maioria dos nossos jogos este ano foram ruins, mas nos jogos cruciais o time foi muito bem. (MR)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É por isso que acredito na Copa do Brasil, porém não mais no Brasileirão, Múcio: esse time não tem demonstrado a menor fome em jogos que valham "apenas 3 pontos" ou disputados contra equipes tidas como fracas.
      Aposto - e espero estar errado, claro - que bancaremos o Robin Hood no segundo turno do Brasileirão. E, também, que voltaremos a mostrar a tal in-ten-si-da-de no mata-mata da Copa do Brasil (longe do ótimo nível de 2012, imagino; mas, ainda assim, suficiente).

      Excluir
    2. Concordo. Time campeão do brasileiro não perde ponto em casa e nem ponto "garantido" como está acontecendo...
      Lembro de 2010 que estavamos brigando pelo titulo nas últimas 3 rodadas e foi jogar com o Bahia lá, com uma mão já na taça, precisando de 4 pontos, se não me engano, e não conseguimos... Este jogo não foi o único motivo de perdermos o titulo mas é um grande exemplo de que pontos desperdiçados não é coisa de campeão.
      Já com relação a Copa do Brasil, só vai dar tudo certo se, e somente se: o Tite, jogadores e diretoria entrarem em um acordo e decidirem que realmente querem este titulo, porque do jeito que está o time pode ser desclassificado que eles tem muita gente pra ser o "culpado"

      Excluir
    3. É muita desculpinha. Parece que pode tudo, que tudo tá ótimo. Não é por aí, né?
      Se essa acomodação toda for o preço que pagaremos pelo Mundial de 2012, então, muito obrigado pelos serviços prestados, mas tchau: emoldure seu currículo e passe o resto da vida admirando-o, dependurado na parede - mas saiba que, por aqui, a vida tem que continuar.

      Não existe outra fórmula para conquistar um Brasileirão senão vencer os jogos, Luis. Por mais que os gênios queiram descobrir um novo caminho, através dos empates, essa conta não fecha: para arrancar na tabela, é preciso, sim, engatar seqüências de 4, 5, 6 vitórias consecutivas - o que significa, necessariamente, vencer alguns jogos fora de casa.
      Todo campeão brasileiro tem que cumprir essa cartilha, não tem escapatória.

      Excluir
  5. Mandei um comentário em uma conta que uso só para "Zoação" sem querer. Desculpe-me pelo erro. Mas o comentário é sério , portanto aonde encontra-se consignado Belinho RJ (credo) lei-se Cesar Pereira Itatiba.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahaha eu acho que já vi esse Belinho RJ em algum blog hahhahahaha
      Vou prestar atenção apartir de agora, mas não vou te entregar fica tranquilo hehehe

      Excluir
  6. Zé Carlos,
    Vamos ser práticos. Vc acha que o Coringão atropela o Grêmio na Copa do Brasil? Teremos crise no Parque São Jorge?...Esta verborréia do Tite que dá nos nervos.... Certamente ela terá uma explicação rebuscada para a queda da Copa do Brasil...O objetivo maior deste 2013 é garantir uma vaguinha na Liberta!!! Escreve aí.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos:

      1- não, não acho que atropelaremos, mas venceremos;

      2- Não acho, mesmo que caia na Copa do Brasil; crise, hoje em dia, é coisa para os CTs da Barra Funda.

      3- Que é isso? Tite é um poeta, amigo!

      4- Se cair, certamente terá. Mas fique tranqüilo: não cairemos.

      5- Ao menos no Corinthians, o objetivo maior deste 2013 é o mesmo de todos os outros anos: ganhar todos os títulos que disputa. Vaga na Libertinha é o objetivo dos medíocres, de um Coritiba ou um Botafogo da vida (pensei em mencionar o SPFW, mas não tá dando: atualmente, os coitados têm objetivos ainda mais modestos).

      Abraço!

      PS: por favor, evite comentar anonimamente, amigo.

      Excluir
  7. o brasileirao, se nao ficou impossível, de certo está no fio da navalha.

    acho que depende demais do fracasso dos outros times e além disso é muito complicado esperar que o time do nada comece a jogar o que não jogou até agora.

    não chega a surpreender. uma pena pois o time pode muito mais...
    ----------------------------------------
    de qualquer forma acho que até mostrou qq coisa de diferente a partir da derrota contra o luverdense. mesmo que ainda não esteja jogando bem.

    contra o nautico ficou dificil com tantos desfalques.
    ---------------
    algumas coisas...
    - pq os reforços contratados para compor o elenco não jogam quando estamos desfalcados dos titulares?

    - fisicamente alguns jogadores estão só o pó. especialmente o Danilo.
    sou fã incondicional do cara. gostei da resposta que deu quando foi cobrado no ultimo jogo... mas não dá.
    acho que um periodo de "descanso" pode fazer bem.
    ele precisa estar afiado para marcar o gol do titulo da copa do brasil!

    CT moderno, elenco, todas essas palavras...
    significam que o time não deveria estar tão acabado no final do PRIMEIRO TURNO.

    ok, o calendário é uma merda. mas é o mesmo há muito tempo.








    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, e é o mesmo para os rivais também.
      Além de toda a estrutura que você mencionou, o Corinthians empurrou com a barriga o Paulistão, depois teve um mês de paralisação para a Copa das Confederações... que cansaço é esse, brô?!

      Quantos aos reforços, pergunto-me o mesmo, Pedro: por que diabos contratamos Cléber, Jocinei, Valter?...

      Excluir
  8. Ontem eu estava vendo um trecho de uma coletiva do Adenor. Ele informava que ele e a diretoria, numa decisão conjunta,traçaram os planos para voltar a Cucaracha. Eu repudio essa obsessão por esta competição, mas..... Para chegar lá, três vias: ganhar a Copa do Brasil ou ganhar o campeonato brasileiro ou no mínimo chegar entre os 4. Olha a palavra "minimo" ai. No entanto, o MFT acha que o time está visando apenas o G4. Por falar em MFT, agora a moda é desvalorizar o Paulistão para provar por a + b que a temporada está uma porcaria. Dizem que ganhamos do Santos (0x8 Barcelona) e do Vila Sonia (com o seu pior time de todos os tempos), Nem tanto, o time vila-soniano de 90 conseguia ser muito piore o Manjubinha que derrotamos no Balneário era bem diferente do que levou uma surra do time catalão. No entanto, se tivéssemos perdido para o time praiano, o MFT não desperdiçaria a chance de debitar mais esta na contra do "padre"
    (Múcio Rodolfo)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desvalorizar o Paulistão, em si, seria contradição do MFT - em sua maioria, formado por gente como nós, que defendemos esse sufixo "ão". Creio que eles questionem os méritos da conquista do Paulistão 2013, especificamente, devido às circunstâncias em que ela aconteceu, Múcio: passamos a 1ª fase aos trancos e barrancos, não jogando nada (o que é fato), batemos as gazelas somente nos pênaltis, após um jogo horroroso e, aí sim, somente contra o boqueirense é que fizemos uma de nossas 5 ou 6 boas partidas deste ano.

      Ok: o 1º tempo da primeira partida das finais contra os Pequeninos foi um verdadeiro massacre - que a tradicional má pontaria de nossos atacantes, registre-se, tratou logo de mascarar, daí o minguado placar. Mas não dá para viver apenas de lampejos, né?!

      Já a Recopa, não conta. Não valia nada antes de ganharmos; em nome da coerência, portanto, continuará não valendo nada depois.
      E com o agravante de que o rival ainda foi um timinho café-com-leite, coitado...

      Em suma, não chego a desvalorizar a conquista do Paulistão 2013 como faz o MFT, mas compreendo os argumentos da rapazeada. Não dá para fazer meia-dúzia de boas partidas por ano e achar que está tudo bem.

      Excluir
    2. Desculpe a ignorancia, o que é MFT? Estou por fora...

      Excluir
    3. Movimento Fora Tite. Invenção do Múcio, hahaha!

      E prepare-se, pois, em resposta, já identificaram a existência do PTE - Por um Tite Eterno, HAHAHAHA!

      É por essas e outras que me divirto demais com isso aqui.

      Excluir
  9. Tem uma coisa que sempre incomodou meus amigos anti-corinthianos que é o fato do Tite ser um Deus "Guru" pra Globo(incluindo SporTV e etc). Alguem já percebeu isso?

    Acredito que começou quando Tite e Felipão tiveram aquela discussão dentro de campo, o famoso "Fala muito... fala muito..." depois disso os microfones da globo sempre ficam ligados e direcionados ao Tite durante o jogo. E o Tite por sua vez participa bastante e nunca solta um palavrão. tudo que a globo sempre quis, e não poderia fazer com um Muricy, um Abel Braga, um Felipão, etc.

    O que incomoda os meus amigos na verdade, além da exposição exagerada que o Corinthians sempre recebeu e receberá da globo, são as frases e palavras que o filósofo Adenor Bacchi solta nas entrevistas.
    Até pouco tempo isso nunca tinha me incomodado, mas essa demora do Tite pra enchergar seus próprios erros tem relação com o fato de ele sempre estar certo pra globo... E também porque a globo ainda influencia boa parte da torcida, não é o caso de ninguém aqui, mas meus tios e alguns amigos menos fanáticos infelizmente são influenciados.

    Sempre que vejo uma entrevista do Tite sinto um "Incomodabilidade", e penso será que ele está falando pra agradar alguém?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tite seduz a mídia com esse seu jeitinho de padre-poeta-filósofo. Já vi em algum lugar que, certa vez, antes de uma coletiva, ele passou de cadeira em cadeira cumprimentando os jornalistas.

      De certa forma, temos que tirar o chapéu para ele.

      Excluir
    2. Sim, quem já teve aulas de administração na faculdade consegue perceber bem que ele segue algumas das regras pra ser um ótimo Lider ao pé da letra, inclusive tinha um professor que adorava analogia com futebol e filmes, eu consigo imaginar ele usando o Tite como exemplo de bom Lider.
      Não acho ruim, eu gostava muito disso nele, porém tudo em exagero estraga. Eu não acho que ele (Tite) tenha perdido a mão, mas do jeito que está o clube vivendo de 2012 e o Tite "guru" dos técnicos, já deu o que tinha que dar. O clube já pode pensar em um substituto para tentar igualar ou ultrapassar o sucesso do Tite.
      Com esses últimos jogos atualizei minhas esperanças para este fim de ano, na minha opnião, não teremos títulos e me contento com o G4, espero muito estar errado.

      Excluir
    3. Pior que eu tento desistir (como o time, aparentemente, desistiu), mas não consigo. Daqui a pouco, lá vai o trouxa aqui se descabelar diante da TV de novo...

      Excluir
  10. Senhores
    Poucos me conhecem sou novo aqui...
    e venho acompanhando o MFT porém sou muito paciente e pensei e filosofei muito antes de declarar meu posicionamento após o término da partida contra o Botafogo.cheguei à minha conclusão.MMTMNP (movimento mata todo mundo nessa porra)

    Obrigado.

    O imperador.longa vida a jihad.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, tô quase ingressando nesse aí, véi!

      Excluir

Comentários ofensivos ao Coringão serão DEMOCRATICAMENTE excluídos, sem exceção. Noves fora, a palavra é sua.