segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Sem paciência

Pouparei-me de escrever sobre a canalha, conveniente e, para dizer o mínimo, desinteligente fritura de um jovem jogador contratado ao custo de 40 milhões de reais. Ando totalmente sem paciência com essa esparrela toda. 
Ademais, considero desnecessário, visto que minhas impressões sobre o caso foram perfeitamente contempladas pelo que andei lendo aqui, aqui e, principalmente, neste comentário aqui - feito pelo Samuel no Blog do Silvinho

Leiam. Vale a pena.

Limitar-me-ei, portanto, a citar que, se para 70% da torcida (que mordeu a isca direitinho), a infame e irresponsável cavadinha de Pato basta para traduzir a desnecessária crise que vivemos, ao menos para mim, a imagem-símbolo desse circo todo é outra...


Afinal, até quando teremos que agüentar esse PALHAÇO posando de pop star com a camisa do Timão? Até quando teremos de conviver com o interminável ano de 2012 - do qual eu já começo a pegar raiva?? 
Porra, semana sim, outra também, esse VAGABUNDO vem vomitar na nossa cara que, por ser "campeão de tudo", o elenco atual não precisa provar mais nada para ninguém!... 

Será que não percebem que o câncer que nos mata é justamente esse aí? E não me refiro ao atleta Emerson Sheik, mas a tudo o que essa postura dele representa. A arrogância, a prepotência, a soberba, o deslumbramento, a vaidade, o fisiologismo, o coxismo, o novo-riquismo, em suma, o bambinismo, lamentavelmente, contaminaram nosso Corinthians, do gabinete presidencial às arquibancadas.

Que 2014 traga, de presente, nosso Coringão de volta!

* * * * *


Taí algo sobre o qual venho ponderando há tempos, mas não manifestava por receio de parecer conspiratório demais.


* * * * *

Ok, é muito cedo para empolgação, mas algo me diz que Walter ainda vai colocar Cássio no banco...

5 comentários :

  1. Bom.... Até o momento eu não vi e nem ouvi o Adenor afimar "infelizmente perdemos por causa de um erro individual". Vi ele dizendo que "todos erraram". Bom teve um repórter que escreveu que o Adenor chamou o Pato de moleque irresponsável. É a palavra do Adenor contra a do jornalista. Evidente que o MFT não vai ficar com a palavra do técnico, afinal se trata de um canalha, um mal caráter. Um cara que joga nas costas do Igor a responsabilidade por aquilo que aconteceu contra a Portuguesa. Uns colegas meus disseram que o garoto foi mal
    pra caramba. Então, o Adenor devia mantê-lo para passar a imagem de bom moço? Cobram do Adenor que seja humilde e reconheça seus erros, assine um atestado de incompetência. Dizem que ele se esconde de forma conveniente na sombra de outros bodes expiatórios. Ronaldo, Roberto Carlos, Júlio César, Amarilla, Pato.... O Luxmburgo errou em 1998 diante dos bambis, armando o time para só se defender e deixando um jogador como o Edilson no banco -Edilson que tinha muito mais personalidade que o Pato. Luxemburgo não veio a público reconhecer o seu erro. Continuou o seu trabalho para ser campeão brasileiro no final daquele ano. Com Tite aconteceu a mesma coisa: se "escondeu" na culpabilidade da dupla ilustre e seguiu o seu rumo, sendo também campeão brasileiro. Ora. Por que se cobrar de uma pessoa um comportamento que não se vê em 95% de que atua na área? E sobre o que o Ismael disse a respeito da imprensa e o amor que esta manifesta pelo Adenor, eu lembro que isto vem desde o tempo em que o time estava bem nas paradas. Talvez ela tivesse o mesmo pensamento do MFT de que um dia a sorte desse boçal ainda vai acabar. Mas talvez ela - ou parte dela- pense realmente que o Adenor não é tão incompetente quanto dizem. Lá no blog do Silvinho alguém disse que o Adenor foi burro por levar o jogo para os penaltis mesmo sabendo que do outro lado tinha do Dida. Felipão também foi burro em 2000 pois fez o mesmo e de forma mais acintosa - jogando bolas no gramado para truncar a partida! Eu também acho esquisito colocar o Diego Macedo, um lateral direito, no meio de campo. Mas... o Tele Santana também fez isso com o Cafu em determinado momento no Vila Sonia. E o que estão fazendo com o Pato, já fizeram com o Roger -o que se naturalizou polonês-, já fizeram com o Coelhor, já fizeram com o Moacir..... Não vi ninguém defender o Moacir, afinal de contas o penalti que ele cometeu foi após uma bola mal afastada pelo Roberto Carlos e num jogo em que mesmo com um a mais o técnico não soube tirar proveito! Mas o Moacir não era bandeira de nenhum movimento.
    (Múcio Rodolfo)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade, essa fase esperar alguma atitude do Adenor eu já superei há alguns meses, Múcio. Hoje, o desgaste é tamanho que a única coisa que espero dele é distância.

      Já não perco mais meu tempo teorizando tanto a respeito do distinto. Triste, pois a história tinha tudo para ser diferente...

      Excluir
  2. "mesmo com 34 anos ganhou contrato até 2015.
    O Chicão 2 anos mais novo não mereceu a mesma consideração por conta da RENOVAÇÃO do elenco.

    onde estava o Sheik na hora dos pênaltis contra o gremio.... pois é...
    mas o Pato mereceu ir pro banco (até pq o Sheik marcou muitos gols esse ano)

    2013 foi só canelada.
    acho que a primeira e mais importante medida para próxima temporada é vazar com esse cara do Corinthians..."

    PEDRO PRADO, por favor, desculpe-me, mas sem querer apaguei seu comentário no momento em que ia publicá-lo.
    Com isso, tive de resgatá-lo do e-mail - o que não é a mesma coisa, claro, etc, etc...

    Abraço. Desculpe-me.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pedro tem razão, Jorge Henrique ia pras baladas e foi sacado do time (eu não concordei porque sempre achei ele melhor jogador que romarinho, mesmo com fama de encrenqueiro) e ainda exposto ao público como, não-confiável, laranja podre do elenco, deve ter assinado o novo contrato por um salário muito abaixo no Inter, mas até aí é problema dele.... o que eu não entendo é porque com Emerson é diferente? todo mundo sabe que ele é, e sempre foi, baladeiro.... o contrato do fdp acabou e ao ínvez de liberar renovaram por 2 anos

      E o Tite também tem culpa nesta história, sacou o Chicão do time porque ele era baixo mas quantos gols de cabeça o P. André fez? Quantos que a zaga fez? (tirando o garoto que fez na sua estréia mas logo, logo vai apodrecer nas mãos do Adenor)

      Agora estamos com a seguinte conta de saldo: [ Emerson+Romarinho < J.Henrique ] e nas cobranças de faltas e penalidades [ (Time todo) < Chicão ].

      Esse ano foi Lamentável.

      Excluir
    2. Ou seja: critério zero! E a gente, durante muito tempo, acreditando naquele papo de "meritocracia"...

      Excluir

Comentários ofensivos ao Coringão serão DEMOCRATICAMENTE excluídos, sem exceção. Noves fora, a palavra é sua.