sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

O gigante acordou!

Prezados jihadianos! Na última quarta, no nosso estádio de fato e não de direito, conseguimos daquelas vitórias animadoras que parecem atestar a nossa reação no campeonato. Fazia tempo que não emendávamos três vitórias seguidas! Fundamental para dissipar todas as descrenças, que eu acredito não terem sido um sentimento entre as hordas corinthianas. A série de maus resultados serviu para mostrar a alguns corinthianos que o trabalho de renovação do Mano não seria tão simples assim, que não era só afastar os "paneleiros" e colocar outro no lugar que as coisas iriam funcionar automaticamente. Era preciso tempo e paciência. Com o novo-velho treinador e com os jogadores.

O Corinthians que será concebido nas próximas rodadas será diferente daquele que vimos nas mãos do Adenor (e eu não me refiro àquele time modorrento do segundo semestre) e também daquele que o próprio Mano comandou no maravilhoso primeiro semestre de 2009. 

Esse novo Corinthians começa a se desenhar com Cássio no gol. Quando se machucou o ano passado, alguns devem ter achado que, diante das boas atuações de Walter, o herói da Cucaracha e do Mundial amargaria o banco por um longo tempo. No entanto, os maus resultados no estadual convenceram ao treinador a reconduzi-lo a meta corinthiana. Confesso aos amigos que não sei se o Walter foi tão mal naqueles jogos. Talvez o Mano tenha preferido a maior experiência de Cássio no derby, evitando queimar um bom reserva. Na lateral direita, Fágner. Fraco na marcação, mas bom no apoio. Pelo menos no Vice da gama foi assim. Engraçado: quantas vezes lemos por aí críticas à diretoria por ter deixado esse moço escapar em outras épocas? O miolo de zaga deve ser a meia muralha negra – Gil e Cléber ou Cléber e Gil. Na lateral esquerda, Fábio Santos deve manter o seu reinado – assim que se recuperar da contusão. Incrível como Fábio Santos, que tem suas qualidades, se mantém diante da vulnerabilidade de seus concorrentes. Se bem que o Uendel me parece ser mais eficiente no apoio.

O meio de campo por enquanto vai de Ralf, Bruno Henrique, Guilherme e Jádson, mas existe a possibilidade de sair um dos volantes para a entrada do recém-contratado Luciano – isto para aquelas partidas em que o adversário não exija muitos cuidados defensivos. Se bem que não é porque um time atue com três volantes que ele venha apelar para o defensivismo exagerado. O jogo contra o time do chiqueiro foi um exemplo. E o ataque, finalmente deve ter a dupla Romarinho e Guerrero ou Romarinho e Luciano.

Foi com este time que o Corinthians logrou obter a sua terceira vitória no campeonato e pelo placar mais elástico. Se bem que até os últimos instantes o jogo tava com a mesma feição dos jogos anteriores, vantagem no placar, mas com o adversário vindo pra cima e podendo empatar a qualquer momento. Vocês sabem como é o futebol e – aqui vai uma pitada de superstição – este time de Ribeirão Preto tem tradição em complicar para o nosso lado. No entanto, diferente dos jogos anteriores, o Corinthians frequentava mais o campo ofensivo. Marcava o adversário no seu campo  adversário que, por sinal, era bem ruinzinho. Daí não honrar a tradição.

O jogo de quarta mostrou os dois lados da carreira de um jogador. De um lado, o drama de Guerrero, que em má fase não consegue encontrar o caminho do gol. Do outro, a  estrela de Luciano que fez sua estréia de fato e guardou dois gols. E foi justamente para dar lugar ao quase estreante que Guerrero saiu machucado. Embora admirador do técnico anterior, acredito que fosse ele ainda o treinador, o escolhido para entrar no lugar do peruano fosse o Danilo e não o Luciano. Como o técnico agora é o Mano, o moço que veio do Avaí entrou e logo em seguida abriu o marcador num lance de puro oportunismo. No gol que assegurou a vitória, ele mostrou calma e categoria. Tudo bem que foi apenas um jogo, que ele pode ter tido sorte, que o adversário deu mole, mas... por que não acreditar que conseguimos contratar mais um bom jogador? Luciano e Bruno Henrique podem ser daqueles jogadores que o nosso amigo César não aprecia muito, mas que caem no gosto do torcedor. Não é sempre que isto acontece é verdade, mas não custa nada sonhar e torcer. 

-------------------------------------------------------

1- Dia desses, eu li por aí alguns torcedores tentando diminuir o Mano Menezes e o Adenor com a teoria de que ambos não haviam conquistado nada de importante antes de assumir o Corinthians. Este “importante” eu acho meio duvidoso, pois para mim todo título é importante. Mas supondo que isto seja verdade....... que bom que o Corinthians tenha a capacidade de alçar técnicos de competência questionável ao topo. 

2- Oswaldo Brandão foi campeão paulista de 77 comandando um time que foi montado pelo seu antecessor, o Duque. Aliás tem um vídeo no iutubi de um antigo programa da Globo – o Copa do Brasil  em que Duque fala a este respeito. Então, não tem nada demais o Tite ter sido campeão da Cucaracha e do Mundial com um time praticamente montado pelo Mano. 


(Com razão ou sem razão, o Corinthians tem sempre razão)

23 comentários :

  1. Belíssima estréia, Múcio! Como já era de se esperar, aliás.

    E não poderia faltar momento "Almanaque Sadol" ao final, hahaha!

    ResponderExcluir
  2. Estava relendo, aqui... acho que o Walter foi muito bem nos primeiros jogos. Não fosse por ele, o coco seria ainda maior em várias partidas.

    Quanto a Fábio Santos, nunca achei que fosse dizer isso, mas... (respira fundo)... fez falta nesse começo de ano.

    E o Luciano foi o tipo de reforço ao qual você se referiu em comentário ao último post: daquele que chega quietinho, sem alarde, e...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1- Sobre o Walter fico com suas palavras. Confesso que não vi os gols que tomamos do Bragantino.
      2- Depois que o Ramon passou pelo Timão, me convenci que é possível achar um l.e. pior do que o Fábio Santos que, diga-se de "passagi" não é tão ruim assim - já atingiu o nível Jacenir de qualidade.
      3- Torçamos para que o Luciano não seja um novo Romerito.
      (Múcio Rodolfo)

      Excluir
  3. Caros irmãos da nossa amada jihad....

    Taticamente é sim um novo começo ótimas palavras de um dos nossos conselheiros Mor..... nosso colega Mucio.....só acho que falta maturidade no meio campo...não nos jogadores mais na forma de jogar mesmo fazer a bola girar mais e sermos mais incisivos no ataque e contra ataque.....mais tá bom....ganhou tá bom.....quando ao garoto da frente que fez 2 gols temos que ser bem pés no chão em um momento como este.....bem razoáveis.....bem comedidos....e é por isso que na minha opinião ele é melhor que o messi e o Cristiano Ronaldo juntos.

    mais uma vez parabéns ao Mucio , ao Zé e ao Corinthians.amém

    Um abraço a todos.
    O imperador longa vida a jihad.

    Em tempo: na minha humilde opinião precisaremos de dois laterais urgentes os dois meninos lá num guentão não o peso da daquela camisa lá não....vai por mim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo Imperador.... Temos que manter a humildade. Colocaríamos um enorme peso sobre este moço se disséssemos que ele é melhor que Palhinha e Geraldão juntos.
      (Múcio Rodolfo)

      Excluir
    2. Ah.... sobre os laterais: onde encontrá-los?

      Excluir
    3. Um já tínhamos encontrado um. Edenílson mesmo adaptado era melhor que Diego Macedo, Fagner e Fabio Costa. Como não era nosso, foi rapidamente vendido e levamos uns trocados. O Pior é que Edenílson não pode ser inscrito no campeonato Italiano e ficou a disposição do Corinthians, porém não está sendo usado. Claro !!! Para que coloca-lo novamente na vitrine se já está vendido. Eu não caio mais nessa de renovação de elenco.

      Excluir
    4. Caro colega Mucio geraldao e palhinha é a síntese mais pura do que é ser Corinthians....
      você pode fazer um gol igual ao Pelé mais jamais verá um gol ser perdido como fazia o Geraldo....coisa de Deus viu....Era espetacular.....

      O imperador.longa vida a jihad.

      Excluir
  4. Em atenção ao que se refere no texto quanto a minha opinião sobre Bruno Henrique e Luciano, gostaria de deixar claro que não sei se são bons jogadores ou não ? Sei que é cedo para tecer um comentário mais ou menos otimista, porém sei que não são nossos. O Corinthians detém somente 25% do Luciano e 25% do Bruno Henrique. O Mais estranho é que precisou de um sócio (BMG) para comprar Bruno Henrique em que pagou R$ 750mi de 25% e a BMG pagou mais R$ 750 mi dos outros 25%. Pelo amor de Deus!!! Se o timão não tem R$ 1,5 mi de Reais para comprar pelo menos 50% de um jogador, pára que eu quero descer !!! Se temos somente 25% da maioria dos jogadores que compõem o elenco hoje, nada mais são que peças na vitrine. Se forem bons, qualquer Eurozinho leva embora. A tal da renovação do elenco nada mais é que a renovação da vitrine, a roda vai girando e todo mundo vai ganhando (menos o Corinthians), o time está sempre remendado, vendendo e comprando. Times Sérios Europeus, trocam somente as peças ruins, seguram as boas e reforçam o time todo ano. Você nunca verá um time Europeu de Ponta trocando o time inteiro de um ano para outro (não estou nem me referindo aos gigantes e sim os grandes), ainda mais um time que foi campeão Mundial. Isso acontece aqui porque o Corinthians e a maioria dos clubes brasileiros estão à serviço de uma corja de empresários que corrompem e defloram administrações destruindo elencos ano após ano. Alguns não tem orçamento para escapar das maculações dessas eminências pardas, porém nós temos e ainda assim nos comportamos como prostitutas. As vezes parece que estamos no caminho certo, por que o paulistinha é um campeonato fraco e mesmo um time remendado na mão de um bom técnico consegue bons resultados. Não tenham dúvidas, nessa relação o "corno "é o timão !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1- Eu não garanti que são bons jogadores. Como corinthiano esperançoso começo acreditando. Tanto que eu admiti o fator sorte, fragilidade do adversário....
      2- Eu concordo com vc no que tange a ter de recorrer a parceiros para se contratar Cléber, Rodriguinho, Bruno Henrique, Luciano. Para um clube que arroga ser o mais rico do hemisfério sul é o fim da picada! Se a gente lembrar que no passado, sem precisar disso, a gente ia no interiorzão e pegava Amaral, Sócrates, Alfinete, Paulo Egidio, Wilson Mano.... Também concordo que exista muita coisa estranha em algumas contratações - teve jogador que foi contratado e jamais vestiu a camisa do Timão.
      3- Sobre o Corinthians especificamente, tomando como ponto de partida o ano de 2011 -ano que começamos sem Elias e Wilian, depois sem Ronaldo, Jucilei e Roberto Carlos; e mais depois, sem Dentinho e Bruno César- o Corinthians foi perdendo poucos jogadores a cada final de semestre. Depois do desmanche que houve de 2010 para 2011, não houve algo parecido.
      Valeu.

      Excluir
  5. Para dizer que o Tite não tinha feito nada de importante antes de assumir o Corinthians o sujeito não devia ser nem nascido (ou ainda estava nas fraldas) naquela traumática tarde de 2003 no Pacaembu...
    --------------------------------------------------------------

    Se o Luciano tivesse perdido apenas um passo no lance do primeiro gol (apenas um pequeno escorregão) não teria marcado o primeiro e possivelmente não teria tido a confiança necessária para buscar o segundo gol na partida.
    E diriam que foi "queimado" pelo burro do treinador.

    Uma das principais novidades no Corinthians dos últimos anos (de muitas taças) é justamente dar espaço e tranquilidade para que os nossos treinadores possam trabalhar (Nem mesmo o Adilson pode reclamar).
    É isso, escolher com carinho o treinador, sem pânico a cada derrota, quebradeiras e demissões em massa cada vez que uma substituição não funciona. Se não são os melhores treinadores do país (Tite e Mano), certamente estão entre o que há de melhor.

    - Cassio parece às vezes (a cada saida do gol) que precisa de um preparador de goleiros melhor.
    Mas tem o maior potencial entre os nossos quatro bons goleiros (sem contar o menino prodigio Matheus que do jeito que vai, será o novo Rubinho).

    - Fagner, minha opinião, está abaixo do Edenilson.

    - Uendel na pior das hipoteses será um novo Andre Santos (não é ruim, é?). Fabio Santos, até pelo histórico de contusões, não vejo futuro.

    - Ver o time marcando o adversário em seu campo foi o melhor do último jogo. Assim fica mais fácil quando se enfrenta um adversário "menor" em um jogo em casa.

    - em um hipotético Corinthians 2014 x 2013 . acho que nesse momento o faz me rir do ano passado ainda levaria vantagem. Mas há evolução consistente e gradual e acredito que faremos um Brasileiro muito melhor. No Paulista ficou bem dificil a classificação.

    - 2 ou 3 jogos sem o Guerrero permitirão um teste definitivo em relação ao futuro do Emerson, além de abrir espaço para o Luciano, pressionar a diretoria a procurar opções no mercado e ajudar o peruano esfriar a cabeça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não havia refletido sobre esse hipotético confronto... concordo contigo: o de 2013, neste momento, ainda levaria vantagem. Vamos ver no segundo semestre...

      Excluir
    2. 1- Pois é Pedro..... só que tem gente que credita aquela tragédia (para nós) de 2001 a um "bundalelê" que o Luxemburgo promoveu na concentração na noite anterior.
      2- Esta postura da diretoria também é usada para minimizar os méritos do treinador. Ganhamos porque a diretoria deu respaldo. Queriam que fosse diferente?
      3- Se o Wendel chegar ao nível do André Santos já quebra um bom galho.
      4- Sobre o CB-14, espero que a gente não enfrente tantos problemas quanto os enfrentados em 2013.
      (Múcio Rodolfo)

      Excluir
    3. 1- é verdade, 2001. e não 2003. Mas para as farras dos jogadores vale aquela máxima que se diz da macumba. "se decidisse jogo o campeonato terminava empatado".

      3- o Uendel , Cleber, Bruno Henrique e mesmo o Rodriguinho deixaram boas expectativas.

      -----------------------------
      para acrescentar nas discussões sobre a "(má) formação de jogadores nas categorias de base" e também sobre "laterais que não sabem marcar" segue um video aonde o "Salvinho" diz (para quem não tiver paciencia de ver) entre outras coisas, ter chegado na europa achando que já era um jogador completo e que justamente precisou aprimorar o seu jogo defensivo para se firmar por lá.
      http://www.youtube.com/watch?v=uhNDjhgIBdw

      .

      Excluir
    4. Os 4 jogadores citados, deixaram boas expectativas para a DIS, BMG e Elenko Sports. Talvez alguns destes saiam já no meio do ano.
      Somos o segundo clube que mais gasta com formação de base (aprox R$ 30.000.000,00 ano) . Nunca revelamos ninguém, e quando revelamos também não são nossos e sim de um pool de empresários, como Willian (hoje Shelsea e seleção brasileira) que foi vendido por mais R$ 100 mi. e nós levamos R$ 3,5mi (ridículo) e Marquinhos, mais de R$ 100 mi e levamos 9 (migalhas) .Quem não acreditar basta seguir os links:
      http://www.lancenet.com.br/corinthians/Willian-Anzhi-Timao-leva-Chelsea_0_981502044.html e
      http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2013/07/18/marquinhos-ex-corinthians-deixa-a-roma-e-acerta-com-o-psg.htm
      Me embrulha o estômago ver essas matérias, e quem não se sentir enojado ao vê-las, com certeza não é Corintiano !!!

      Excluir
    5. Cesar, acredito que deixam sim boas expectativas de que vão jogar em bom nível, e talvez em um futuro (nem tão próximo) serão parte de um time que estará disputando o topo do futebol nacional. Mas veja só, às vezes pode ser complicado, boas expectativas também podem acabar em frustração. (Pergunte ao dirigentes e torcedores do Sporting o que eles pensam do Elias)
      -----
      Realmente revelamos muito pouco. É curioso pois empilhamos taças nas categorias de base. Jogadores da base (na minha opinião) deveriam ser especialmente valorizados pela diretoria.

      De uma maneira geral, não apenas o Corinthians, os clubes tem sofrido na formação de atletas. Os clubes europeus já buscam os melhores desde o fraldinha e quando deixam passar algum talento as dificuldades para mante-los são conhecidas. Pressão de empresários, impaciência da torcida e má avaliação dos nosso time técnico. (Concordemos que nem sempre é fácil identificar um talento e/ou um Flop, todos acertam entre muitos erros, o Keirrison no Barcelona que o diga. Eu me lembro de ver o Lulinha na base e o cara era o Messi...)

      Dentinho, Everton Ribeiro, Jo, Edenilson foram trocados por jogadores que não necessariamente se revelaram muito melhores e deveriam ter ficado. Mas também vamos concordar que não são exatamente super craques.

      -------------------------

      Caso William: foi vendido em 2007 por motivos financeiros, por outra diretoria, sob a desconfiança de todos nós e já sabemos como aquele desmanche acabou...
      E foram MUITOS anos de Ucrania para poder ter a chance de jogar no Lado A do futebol mundial.

      Caso Marquinhos: Segundo o próprio Andres Sanches, pouco mais de um ano de contrato sem perspectivas de ser titular e sob grande pressão do seu empresário o Corinthians antecipou a sua saida. Que com um pouco mais de tempo teria sido gratuita.
      Vale ressaltar, todas as cifras de transações do PSG são no minimo muito suspeitas, totalmente fora dos valores de mercado e não servem de parametro. E o Marquinhos, que também deixa boas expectativas de que será um bom jogador no tempo necessário está esquentando banco por lá (algo que ele se recusou a aceitar por aqui).

      No caso do Marquinho, o que se fez não foi justamente se recusar a se submeter a vontade do empresário (como todos nós achamos que é o correto) ?

      Se o Corinthians tivesse o valor integral dos direitos federativos do jogador mudaria alguma coisa ? - Julgando pelo Caso Pato eu afirmo que não... quando o jogador quer sair ele faz bico e não tem muito o que fazer...

      ------------------------------------------

      O que é mais importante: formar um time ou ganhar fortunas na venda do jogadores ?
      A vantagem de usar empresários é justamente poder oferecer salários maiores e ter elencos melhores sem comprometer o patrimônio do clube.

      Também que é preciso cuidado com uma inversão de valores. Os jogares quando chegam ao clube JÁ ESTÃO VINCULADOS COM GRUPOS DE EMPRESÁRIOS. E frequentemente são muito mais leais a eles (que lhe deram suporte desde de tempos remotos quando ainda não eram nem profissionais) do que aos clubes pelos quais jogam.

      E o Neymar, para complicar mais, inventou uma nova modalidade aonde apenas ele ganha e dane-se clube e os empresários... não é fácil amigo...

      É o melhor ? Acho que depende, tem casos e casos.
      Pessoalmente, o correto, me parece, seria usar parcerias apenas para medalhões como o Patso.

      O que eu posso dizer é que nos casos dos jogadores que eu citei: Cleber, Bruno Henrique, Rodriguinho, e Uendel... e antes deles Romarinho, Guilherme.
      Não é verdade que foram INVENTADOS por empresários e diretores inescrúpulosos. Todos foram disputados no tapa com nossos rivais. Aliás temos vencido com frequência.

      Excluir
    6. o Corinthians está no caminho certo?
      - não sei; me preoucupo hoje muito menos com o time do que com os boletos que estão sendo gerados pelo novo estádio... a bomba maior ainda esta por vir...

      Todos no Timão são isentos de conchavos e interesse particulares nas negocições de jogadores ?
      - eu não sou a velhinha de taubaté. vamos ser sinceros. assim é a humanidade, onde existem tetas... (e as do clube SÃO ENORMES)

      Não proponho que se feche os olhos, mas sinceramente, o Gobbi tem muitos defeitos mas me surpreenderia muito se corrupção fosse um deles.

      Excluir
    7. 1- E a gente achando que o único defeito do Silvinho era não marcar gols! E pelo visto, preocupação com marcação, em se defender não é privilégio de um certo treinador.
      2- A gente revela pouco e valoriza pouco o que a gente revela. Não revelamos craques. Revelamos bons jogadores que serviram pra completar o elenco, sem que ele perdesse a qualidade. Eu nunca entendi o porquê do Corinthians não aproveitar o Fernando Henrique (atacante campeão em 2009 da copinha) e trazer o Henrique do Guarani para a mesma posição. Na verdade entendi, mas gostaria de não entender. Sé é que me entende. Tem um monte de jogadores saídos da base, que poderiam ter ficado mais tempo no Timão e foram tratados como perebas sem sê-lo: Ewerthon, Rosinei, Fernando Baiano, Jô, Ewerthon Ribeiro
      3- Por falar em Jô, tem uma história de que o Corinthians vendeu seus direitos sobre o jogador antes que este fosse negociado com o City. Confere produção?
      4- Acho que de um modo geral, os jogadores ficam no Timão o tempo médio que todo jogador fica num clube desde os anos 90. Salvo engano me parece que o único que teve passagem relâmpago foi o Bruno César, que ficou só um semestre.
      (Múcio Rodolfo Neto)

      Excluir
    8. Se comportar como vira latas com um orçamento abaixo de R$ 100 mi Reais (2007) deprimente, mas sem saída. Se comportar como vira latas com um orçamento superior à R$ 300 mi (2012/2013/2014) estranho.... Investir R$ 30 mi ano em um monte de moleques e ter participação em média de 25% no valor de seus passes e não revelar ninguém. estranho muito estranho.... Encher o elenco de jogadores na faixa de R$ 2 mi, comprando somente 25% do passe: Estranho!!!. Comprar 60% do Pato no DP médico do Milan por R$ 45 mi de Reais, estranho, muito estranho. Elias foi um fiasco para o Sporting, mas não foi pra nós e nem para o Flamengo. Temos a maior vitrine de pardais das Américas, alguém deverá vingar enquanto os demais "foderão" o time nos outros setores do campo. Quando você sita Mario Gobbi, espera que eu faça um comentário a respeito chamando-o de Corrupto ? Desculpe querido, não sou tão otário. Que boletos do novo estádio ? O estadio já foi pago, começaremos a pagar o financiamento só da qui à 3 anos. Sabe-se dos juros que devemos à Odebrech (por volta de R$ 100 mi) Estranho !!. E o naming Rights ? E a arrecadação que proporcionará a maior torcida do país em um estádio de 45.000 lugares? E o orçamento de no mínimo R$ 300 mi ? E as vendas de placas publicitarias, arrecadações com lanchonetes e muitos outros negócios que orbitam um estádio dessa envergadura de um clube com marca mais poderosa das Américas? Incompetentes !!! Incompetentes !!! Juvenis!!! Todos são limpos !!! Simples, uma auditoria séria comprovaria se são somente incompetentes !!! O Conselho, a tal da Curi, a oposição, a torcida, os sócios para que servem? Quem são nossos parceiros ? Quem são os sócios e donos da siglas e dos grupos parceiros??? Por que o Corinthians é sempre quem menos ganha nas transações??? O que existe por trás de investimentos tão expressivos nos times de base e que não dão retorno. Achas, que esse time eliminado do paulistinha será campeão do mundo??? Temos um elenco mediano, um misto de equipes medianas. Flertaremos com a segundona ainda que com um técnico diferenciado como Mano Menezes. Torcedores apaixonados querem sentir o calor das camisas e o perfume da esperança os enebria, enquanto manipuladores os traem debaixo de seus narizes !!!

      Excluir
    9. Pedro, por favor, entre em contato com esta humilde redação através do e-mail jihadcorinthiana@yahoo.com.br assim que puder.

      Abraço!

      Excluir
    10. 3- Confere, Múcio:

      http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Futebol/ingles/0,,MUL635275-9847,00-BERTOLUCCI+DIZ+QUE+ANDRES+SABIA+DO+INTERESSE+DO+MANCHESTER+CITY+EM+JO.html

      Excluir
    11. Cesar acho que voce tem razão na maior parte das coisas que diz e concordo com você que existem muitas coisas "estranhas" (ou como disse o Mucio, "nem tão estranhas") acontencendo no Corinthians. Aliás, como sempre foi...

      -------------

      Apenas:

      Não confio nem um pouco na teoria de que o estádio se pagará facilmente mesmo sob estimativas "pessimistas"; frase do Andres já repetida exaustivamente por jornalistas (papagaios).
      Como é possível construir um estádio sem discutir que 25 mil pessoas em média é um público ridiculo para o Corinthians, que agora estará mais afastado do centro financeiro da cidade e com ingressos, provavelmente, mais caros ?

      Claro que haverão novas receitas, mas também novas despesas (e essas são sempre substimadas em periodos "festivos").

      --

      Montar time vitrine, sem ter os tais direitos federativos, só pode ser má fé, você tem toda razão.
      Mas o grande pecado, ao menos de 2013, não foi justamente ter bancado o time todo que havia sido campeão do mundo ?
      Perdemos o Paulinho, é verdade, mas se prolongou sua permanência o quanto foi possível.

      --

      O Gobbi "pato manco", teve inúmeras oportunidades de demonstrar que não é a pessoa certa para o cargo e não se furtou. Sua administração foi um retrocesso. Mas me parece (baseado apenas em um "achismo" pessoal) que ao contrário do nosso presidente anterior deixa o cargo sem nenhum ganho politico (isso é certo, mas ai também pesa a incompetencia) ou financeiro.

      Uma auditoria é algo que dificilmente vamos ver.
      O Corinthians, de onde se produz "escandalos" e "noticias" apenas de espirros, a oposição não bancaria esse tipo de "traição" ainda mais tão perto de novas eleições. Na verdade aconteceu ao menos uma vez no caso da MSI, ganhamos até capa na Carta Capital, investigação da Interpol e foi bastante traumático (e correto, é bom dizer).

      Hoje o Santos recebe jogador comprado por 3x o seu valor de mercado de um grupo que gerencia apostas sobre jogos de futebol e...

      Excluir
  6. Salve jihadistas, alalaô!
    Fora a zica do Guerrero, a morte de Tite, ficamos todos esperançosos novamente.
    Algo de bom é o fim da merecibilidade.
    Venha o Linense.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos ao Coringão serão DEMOCRATICAMENTE excluídos, sem exceção. Noves fora, a palavra é sua.